Logomarca Velhos Amigos
LITERATURA / AUTORES CÉLEBRES

MILLÔR FERNANDES
publicado em: 31/10/2016 por: Lou Micaldas

 
 
Millôr Viola Fernandes 
(16 de agosto de 1923 - 27 de março de 2012)
 
Foi um cartunista, jornalista, cronista, dramaturgo, roteirista, tradutor e poeta brasileiro. Natural do Rio de Janeiro, era filho do engenheiro Francisco Fernandes e de Maria Viola Fernandes.
 
Nasceu Milton Viola Fernandes, tendo sido registrado, graças a uma caligrafia duvidosa, como Millôr, o que só veio a saber na adolescência. Órfão de pai aos dois anos e de mãe aos 11, desde muito cedo começa a trabalhar. Aos 15 anos entra para a revista "O Cruzeiro" como contínuo. Aos 16 anos, convidado para colaborar na revista "A Cigarra", cria o pseudônimo Vão Gôgo.
 
Em 1943 volta para a revista "O Cruzeiro", que passa, ao longo dos anos, de 11 mil exemplares para 750 mil exemplares semanais. Em 1946, faz sua estreia literária com o livro Eva sem Costela - um livro em defesa do homem, e sete anos depois é montada sua primeira peça de teatro, Uma Mulher em Três Atos. Em 1964 edita a revista humorística O Pif-Paf, considerada uma das pioneiras da imprensa alternativa, e quatro anos depois participa da fundação do jornal "O Pasquim".
 
Cartunista, vinha colaborando nos principais órgãos da imprensa brasileira; cronista, tem mais de 40 títulos publicados; dramaturgo, alcançou sucessos como "Liberdade, Liberdade" (em parceria com Flávio Rangel), "Computa, computador, computa" e "É.."; artista gráfico, tem trabalhos expostos em várias galerias de arte do Rio de Janeiro e no Museu de Arte Moderna do Rio de Janeiro - MAM/RJ.
 
Fez roteiros de filmes, programas de televisão, shows e musicais e era um dos mais solicitados tradutores de teatro do país. Irônico, polêmico, com seus textos (aforismos, epigramas, ironia, duplos sentidos e trocadilhos) e seus desenhos constrói a crônica dos costumes brasileiros dos últimos sessenta anos.
 
 
"O pior não é morrer. É não poder espantar as moscas."
 
"A verdadeira amizade é aquela que nos permite falar, ao amigo, de todos os seus defeitos e de todas as nossas qualidades."
 
"As pessoas que falam muito, mentem sempre, porque acabam esgotando seu estoque de verdades. "
 
"Como são admiráveis as pessoas que nós não conhecemos bem."
 
"Viver é desenhar sem borracha."
 
"Democracia é quando eu mando em você, ditadura é quando você manda em mim."
 
"Esnobar é exigir café fervendo e deixar esfriar."
 
"Não devemos resistir às tentações: elas podem não voltar."
 
"Chato...Indivíduo que tem mais interesse em nós do que nós temos nele."
 
"Esta é a verdade: a vida começa quando a gente compreende que ela não dura muito."
 
"Certas coisas só são amargas se a gente as engole."
 
"O dinheiro não dá felicidade. Mas paga tudo o que ela gasta."
 
"Jamais diga uma mentira que não possa provar."
 
"O cara só é sinceramente ateu quando está muito bem de saúde."
 
"Quem mata o tempo não é assassino, mas sim um suicida."
 
"Pais e filhos não foram feitos para serem amigos.Foram feitos para serem pais e filhos."
 
"Quando todo mundo quer saber é porque ninguém tem nada com isso."
 
"Sim, do mundo nada se leva. Mas é formidável ter uma porção de coisas a que dizer adeus."
 
"De todas as taras sexuais, não existe nenhuma mais estranha do que a abstinência."
 
[POEMEU EFEMÉRICO]
"Viva o Brasil
Onde o ano inteiro
É primeiro de abril!"
 
"Anatomia é uma coisa que os homens também têm, mas que, nas mulheres, fica muito melhor."
 
"Os nossos amigos poderão não saber muitas coisas, mas sabem sempre o que fariam no nosso lugar."
 
"Aniversário é uma festa pra te lembrar do que resta."
 
"Com muita sabedoria, estudando muito, pensando muito, procurando compreender tudo e todos, um homem consegue, depois de mais ou menos quarenta anos de vida, aprender a ficar calado."
 
"A saudade diminuiu ou fomos nós que envelhecemos?"
 
"Por mais violento que seja o argumento contrário, por mais bem formulado, eu tenho sempre uma resposta que fecha a boca de qualquer um: «Vocês têm toda a razão»."
 
"Ninguém sabe o que você ouve, mas todo mundo ouve muito bem o que você fala."
 
"Metade da vida é estragada pelos pais. A outra metade, pelos filhos."
 
"Acreditar que não acreditamos em nada é crer na crença do descrer."
 
"Se todos os homens recebessem exatamente o que merecem, ia sobrar muito dinheiro no mundo."
 
"Errar é humano. Ser apanhado em flagrante é burrice."
 
"Se você agir sempre com dignidade, pode não melhorar o mundo, mas uma coisa é certa: haverá na Terra um canalha a menos."
 
"Não é que com a idade você aprenda muitas coisas; mas você aprende a ocultar melhor o que ignora."
 
"Você está começando a ficar velho quando, depois de passar uma noite fora, tem que passar dois dias dentro."
 
"Se é gostoso faz logo, amanhã pode ser ilegal".
 
"O dinheiro não só fala, como faz muita gente calar a boca."
 
"O melhor movimento feminino ainda é o dos quadris."
 
"Há duas coisas que ninguém perdoa: nossas vitórias e nossos fracassos."
 
"Vocês não sabem como é divertido o absoluto ceticismo. Pode-se brincar com a hipocrisia alheia como quem brinca com a roleta russa com a certeza de que a arma está descarregada."
 
"Toda regra tem exceção. E se toda regra tem exceção, então, esta regra também tem exceção e deve haver, perdida por aí, uma regra absolutamente sem exceção."
 
"Nunca esqueça: A vida também perde a cabeça."
 
"O mal de se tratar um inferior como igual é que ele logo se julga superior."
 
"Ser gênio não é difícil. Difícil é encontrar quem reconheça isso."
 
"Por mais imbecil que você seja, sempre haverá um imbecil maior para achar que você não o é."
 
"A única diferença entre a loucura e a saúde mental é que a primeira é muito mais comum."
 
"O dinheiro não é só facilmente dobrável como dobra facilmente qualquer um."
 
"Toda uma biblioteca de Direito apenas para melhorar quase nada os dez mandamentos."
 
"Um homem começa a ficar velho quando já prefere andar só do que mal acompanhado."
 
"Ser pobre não é crime, mas ajuda muito a chegar lá."
 
"Pontual é alguém que resolveu esperar muito."
 
"Quando o homem sabe que certa mulher já cedeu a alguém, ele não resiste em verificar se a história se repete."
 
"Pode ser difícil encontrar agulha em palheiro. Mas não descalço."
 
"Quando um chato diz: "Eu vou embora", que presença de espírito."
 
"A ocasião em que a inteligência do homem mais cresce, sua bondade alcança limites insuspeitados e seu carácter uma pureza inimaginável é nas primeiras 24 horas depois da sua morte."
 
"Passado: É o futuro, usado."
 
"Natação e Automobilismo: Tenho absoluta incapacidade de admirar um homem apenas porque ele é melhor do que o outro um centésimo de segundo."
 
"A verdade é que a maior parte das pessoas foge de tentações que nem se dão ao trabalho de tentá-las."
 
"Paz na terra aos homens de boa vontade. Isto é, paz para muito poucos."
 
"O último refúgio do oprimido é a ironia, e nenhum tirano, por mais violento que seja, escapa a ela. O tirano pode evitar uma fotografia, não pode impedir uma caricatura. A mordaça aumenta a mordacidade."
 
"As pessoas que falam muito acabam sempre contando coisas que ainda não aconteceram."
 
"O pior casamento é o que dá certo."
 
"Chama-se celebridade um débil mental que foi à televisão."
 
"A gente só morre uma vez. Mas é para sempre."
 
"Para você parecer culto é só ficar de olho no que o outro cara ignora."
 
"Ser diplomata é discordar sem ser discordante."
 
"O homem é um animal que adora tanto as novidades que se o rádio fosse inventado depois da televisão haveria uma correria a esse maravilhoso aparelho completamente sem imagem."
 
"A pobreza não é, necessariamente, vergonhosa.
Há muito pobre sem-vergonha."
 
"Se você acha que está maluco é porque não está.
Mas, se você acha que todo o mundo está maluco, então está."
 
"O preço da fidelidade é a eterna vigilância."
 
"Há homens que devem à esposa tudo o que são, mas em geral, os homens devem à esposa tudo o que devem."
 
"Pegamos o telefone que o menino fez com duas caixas de papelão e pedimos uma ligação com a infância."
 
"Inúmeros artistas contemporâneos não são artistas e, olhando bem, nem são contemporâneos."
 
"É muito fácil viver com pouco, desde que a pessoa não gaste muito para ocultar que tem pouco."
 
"Em geral, quando a gente encontra um espírito aberto, entra e verifica que está é vazio."
 
"Não ter vaidades é a maior de todas."
 
"Fique tranquilo: sempre se pode provar o contrário."
 
"Quando a gente está cansado, dá uma bruta vontade de dizer que sim."
 
"É meu conforto: da vida só me tiram morto!"
 
"Em geral as pessoas que se perdem em pensamentos é porque não conhecem muito bem esse território."
 
"Se os seus princípios são rígidos e inabaláveis, você, pessoalmente, já não precisa ser tanto."
 
"Há colcha mais dura que a lousa da sepultura?"
 
"Quando um técnico vai tratar com imbecis, deve levar um imbecil como técnico."
 
"Erudito é um sujeito que tem mais cultura do que cabe nele."
 
"Toda alegria é assim: já vem embrulhada numa tristezinha de papel fino."
 
"É melhor ser pessimista do que otimista.
O pessimista fica feliz quando acerta e quando erra."
 
“Qualquer idiota consegue ser jovem.
É preciso muito talento pra envelhecer.”
 
"Trabalho não mata. Mas vagabundagem nem cansa."
 
"Nunca soube por que tanta gente teme o futuro.
Nunca vi o futuro matar ninguém,
Nunca vi o futuro roubar ninguém,
Nunca vi nada que tivesse acontecido no futuro.
Terrível é o passado ou, pior, o presente!"
 
"Entre o riso e a lágrima há apenas o nariz."
 
"Algumas pessoas matam. As outras pessoas se satisfazem lendo a notícia dos assassinatos."
 
"Todo homem nasce original e morre plágio."
 
"Basta um avião sacudir um pouquinho mais, e logo todos os passageiros ficam parecidos com a foto do passaporte."
 
"A diferença fundamental entre Direita e Esquerda é que a Direita acredita cegamente em tudo que lhe ensinaram, e a Esquerda acredita cegamente em tudo que ensina."
 
"Gastronomia é comer olhando pro céu."
 
"O homem é o único animal que ri e é rindo que ele mostra o animal que realmente é."
 
"O que esse país realmente precisa é que alguém apague a luz no fim do túnel."
 
"Todo o casamento sem amor resulta em amor sem casamento."
 
"Um homem é realmente velho quando só pensa nisso."
 
"Se durar muito tempo, a popularidade acaba tornando a pessoa impopular."
 
"Nós, os humoristas, temos bastante importância para ser presos e nenhuma importância para ser soltos."
 
"Nunca faço planos pro futuro, mas ele faz cada um pra mim."
 
"O coração tem imbecilidades que a estupidez desconhece."
 
"Quando, afinal, nos acostumamos com uma moda é porque ela já está completamente em decadência."
 
"A diferença entre a galinha e o político é que o político cacareja e não bota o ovo."
 
"Dizem que o Governo, depois de proibir ao cidadão comum usar armas, vai proibir ao Exército possuir armas de uso exclusivo dos traficantes."
 
"Não há problema tão grande que não caiba no dia seguinte."
 
"A alma enruga antes da pele."
 
"E convém não esquecer que bitributação é quando arrancam seis vezes o dinheiro do cidadão. Pois o normal já é tributação."
 
"Hoje em dia, a universidade é o local onde a ignorância é levada às últimas consequências."
 
"O ser humano ainda não tinha aprendido a amar o próximo e já tinha inventado a televisão que ensina a desprezar o distante".
 
"Em ciência leia sempre os livros mais novos. Em literatura, os mais velhos."
 
"O Código Penal é a causa de todos os crimes!"
 
"Um homem que come carne por instinto é tão vegetariano quanto um homem que come vegetais por princípio. Afinal de contas a carne é transubstanciação do capim que o animal comeu."
 
"Nos últimos e dramáticos acontecimentos, perdi uma magnífica oportunidade de ficar calado."

Enviado por: Wanda Barcellos
 
 
Na virada do milênio, anuncia-se um revolucionário conceito de tecnologia de informação, chamado de
Local de Informações Variadas, Reutilizáveis e Ordenadas - L.I.V.R.O.
 
L.I.V.R.O. representa um avanço fantástico na tecnologia.
Não tem fios, circuitos elétricos, pilhas.
Não necessita ser conectado a nada nem ligado.
É tão fácil de usar que até uma criança pode operá-lo.
Basta abri-lo!
 
Cada L.I.V.R.O. é formado por uma seqüência de páginas numeradas,
feitas de papel reciclável e são capazes de conter milhares de informações.
As páginas são unidas por um sistema chamado lombada, que as mantém automaticamente em sua seqüência correta. Através do uso intensivo do recurso TPA - Tecnologia do Papel Opaco - permite que os fabricantes usem as duas faces da folha de papel. Isso possibilita duplicar a quantidade de dados inseridos e reduzir os seus custos pela metade!
 
Especialistas dividem-se quanto aos projetos de expansão da inserção de dados em cada unidade.
É que, para se fazer L.I.V.R.O.S com mais informações, basta se usar mais páginas. Isso porém os torna mais grossos e mais difíceis de serem transportados, atraindo críticas dos adeptos da portabilidade do sistema.
 
Cada página do L.I.V.R.O. deve ser escaneada opticamente, e as informações transferidas diretamente para a CPU do usuário, em seu cérebro.
Lembramos que quanto maior e mais complexa a informação a ser transmitida, maior deverá ser a capacidade de processamento do usuário.
 
Outra vantagem do sistema é que, quando em uso, um simples movimento de dedo permite o acesso instantâneo à próxima página.
O L.I.V.R.O. pode ser rapidamente retomado a qualquer momento, bastando abri-lo. Ele nunca apresenta "ERRO GERAL DE PROTEÇÃO", nem precisa ser reinicializado, embora se torne inutilizável caso caia no mar, por exemplo.
 
O comando "browse" permite acessar qualquer página instantaneamente e avançar ou retroceder com muita facilidade.
A maioria dos modelos à venda já vem com o equipamento "índice" instalado, o qual indica a localização exata de grupos de dados selecionados.
 
Um acessório opcional, o marca páginas, permite que você acesse o L.I.V.R.O. exatamente no local em que o deixou na última utilização mesmo que ele esteja fechado.
A compatibilidade dos marcadores de página é total, permitindo que funcionem em qualquer modelo ou marca de L.I.V.R.O. sem necessidade de configuração.
Além disso, qualquer L.I.V.R.O. suporta o uso simultâneo de vários marcadores de página, caso seu usuário deseje manter selecionados vários trechos ao mesmo tempo.
A capacidade máxima para uso de marcadores coincide com o número de páginas.
 
Pode-se ainda personalizar o conteúdo do L.I.V.R.O., através de anotações em suas margens.
Para isso, deve-se utilizar de um periférico
de Linguagem Apagável Portátil de Intercomunicação Simplificada -
L.A.P.I.S. Portátil, durável e barato, o L.I.V.R.O. vem sendo apontado
como o instrumento de entretenimento e cultura do futuro.
Milhares de programadores desse sistema já disponibilizaram vários títulos e upgrades utilizando a plataforma L.I.V.R.O.
 
 
Dizem por ai que todo homem tem seu preço. Há quem vá mais longe afirmando que alguns homens são vendidos a preço de banana. Sempre esperei, na vida, o dia da Grande Corrupção, e confesso, decepcionado, que ele nunca veio. A mim só me oferecem causas meritórias, oportunidades de sacrifício, salvações da Pátria ou pura e frontalmente a hedionda tarefa de lutar.. . contra a corrupção. Enquanto eu procuro desesperadamente uma oportunidade, as pessoas e entidades agem comigo de tal forma que às vezes chego a duvidar de que a corrupção exista. Mas, falar em corrupção, como anda a sua? Vendendo saúde ou combalida e atrofiada como a minha? Responda com muito cuidado às perguntas abaixo e depois conclua sobre sua própria personalidade: você é um corrupto total ou um idiota completo? (Não há meio-termo.) Conte 10 pontos para cada resposta certa (você é quem decide qual é a certa) e verifique depois o grau de sua corruptibilidade. Nota: Se você roubar neste teste, é porque sua corrupção é mesmo absolutamente incorruptível.
 
A) Você descobre que o chefe do seu departamento está com um caso complicado com a secretária do outro chefe em frente. Você:
1) Finge que não viu nada.
2) Diz à secretária que ou também está, nessa ou vai botar a boca no mundo.
3) Oferece o seu sítio ao chefe pra ele passar o fim de semana.
4) Bota a boca no mundo.
5) Insinua ao chefe que há a perigosa hipótese de a mulher dele vir a saber (e enquanto isso põe a promoção embaixo do nariz dele pra ele assinar).
 
B) Você acha que a Lei e a Ordem é uma mística social maravilhosa para:
1) Impor a lei e a ordem.
2) Acabar com a grita dos descontentes.
3) Grandes oportunidades de ganhar algum por fora.
4) Dividir o bolo entre os íntimos sem ninguém de fora piar.
 
C) A primeira vez em que você ouviu falar do escândalo de Watergate você disse:
1) Isso é que é país!
2) Como é que o governo americano permite uma imprensa dessas? Isso desmoraliza um país!
3) Eu não compraria um carro usado desse Nixon.
4) Isso jamais aconteceria entre nós.
5) Quanto terão levado esses caras pra se arriscarem dessa maneira?
 
D) Você, como representante oficial da fiscalização, comparece à apresentação de contas, em dinheiro, no Instituto dos Cegos. Fica surpreendido com o alto volume das arrecadações e em certo momento:
1) Diz: "Estou surpreendido com a miserabilidade dos donativos". E tenta enrustir algum.
2) Diz: "Como representante do fisco sou obrigado a reter 30 % de tudo porque esta arrecadação é totalmente ilegal".
3) Diz: "Teria sido até uma boa arrecadação se metade das notas não fossem falsas".
4) Disfarça bem a voz e diz, entredentes: "Todos quietinhos aí, seus Homeros de uma figa: Isto é um assalto!"
 
E) Você se demite do cargo de maneira irrevogável por insuportáveis pressões morais e absoluta impossibilidade de compactuar com a presente política da firma. Eles prometem triplicar o seu salário.
Você:
1) Recusa, indignado, por pensarem que é tudo uma questão de dinheiro. Só ficará se eles derem também as três viagens anuais à Europa a que todos os diretores têm direito. E participação nos lucros retidos da companhia.
2) Diz que, evidentemente, isso e uma prova moral de que eles estão de acordo com você. O dinheiro, aí é definitivo como demonstração de confiança na sua gestão.
3) Pede para pensar 5 minutos antes de dar a resposta. 4) Explica que tem mulher e filhos e não pode manter um pedido de demissão feito, afinal de contas, por motivos tão irrelevantes.
 
F) Há uma diferença fundamental entre fraudar e evitar o imposto de renda. Quando você descobriu isso, você:
1) Ficou indignado com as possibilidades de os poderosos usarem tudo a seu favor. Como é que se pode escamotear um ordenado?
2) Começou a estudar furiosamente a legislação para descobrir todos os furos.
3) Tinha 11 anos de idade e estava terminando o curso primário.
4) Nunca mais pagou um tostão de imposto.
 
G) Você dá um nota de 10 pra pagar o jornal, no jornaleiro velhinho da banca da esquina, e percebe que ele lhe deu 50 como troco. Você imediatamente:
1) Corrige o erro do velhinho?
2) Reclama chateado aproveitando a gagaíce do vendedor: "Pô, eu lhe dei uma nota de 100?"
3) Chega em casa e manda todos os seus filhos comprarem vários jornais?
4) Bota o dinheiro no bolso e fica freguês?
 
H) Você teve que fazer um trabalho na rua, não pôde almoçar, comeu um sanduíche. Você apresenta a conta na companhia:
1) Um sanduíche — 3 cruzeiros.
2) Almoço — 32 cruzeiros.
3) Almoço com o representante da A&F Ltda. — 79 cruzeiros.
4) Despesas gerais — 143 cruzeiros.
 
I) Quando o desfalque dado pelo auditor geral (8.000.000 pratas) chega a seus ouvidos você murmura:
1) "Idiota, se deixar apanhar assim".
2) "Será que eles vão descobrir também os meus 10.000?".
3) "Se ele tivesse me dado 10% eu tinha feito o negócio de maneira que ninguém nunca ia descobrir".
4) "Eu fiz bem em não entrar no negócio".
 
Conselho de amigo:
Quando alguém, na rua, gritar "Pega ladrão!", finge que não é com você.
 
Texto extraído do livro "Todo homem é minha caça", Editorial Nórdica Ltda. — Rio de Janeiro, 1981, pág.60.
 
 

Autor(a): Millôr Fernandes

 

CLIQUE AQUI PARA ENVIAR SUA OPINIÃO SOBRE ESTA MATÉRIA

 

 

 

 

 


VOLTAR
AO TOPO DA
PÁGINA