Logomarca Velhos Amigos
LITERATURA / CANTO DO CONTO

Página aberta pra você enviar um conto de sua autoria ou da autoria de amigos ou autores preferidos.

ADEUS DOLORES!

Num desses recentes ontens, resolvi fazer nova surpresa à minha querida amiga Dolores. Vestido a caráter, com o indefectível cravo branco na lapela do paletó, sem esquecer a gravata, voltei ao Cabaré do Bueno. Se pudesse, iria direto à cozinha onde ela deveria estar mas isso não me seria permitido, então dirigi-me ao “Bueninho”.

Autor: Ary Franco (O Poeta Descalço)

O PROFESSOR DE DANÇA

Quis o destino que, ao chegar à rodoviária, ele se dirigisse ao primeiro guichê que viu à sua frente. Pensava em ir para o Sul, mas no guichê daquela empresa só vendiam passagens para o Nordeste.

Autor: Onivaldo Paiva

O ANJO

Noite de festa. A família reunia-se sempre em datas festivas, principalmente, quando era aniversário da vovó. Ela era a cumieira da casa.

Autor: Yedda Campos

CONFUSÃO NO METRÔ

Eu estava sem inspiração. Queria escrever alguma coisa que prestasse, não aqueles contos sem-graça que ninguém gostava. Já estava cansado de ver os familiares lendo meus contos e dizendo, muito sem jeito, que “estavam bons”. Saí sem rumo e fui para o metrô, tentando encontrar algum assunto pra escrever...

Autor: Nilda Dias

PEDRO E MARIANE

João Pedro e João Carlos, gêmeos idênticos (ou quase idênticos). Mariane e Marina, gêmeas idênticas (ou quase idênticas). Quis o destino que se encontrassem, mais ainda, tornarem-se dois pares de namorados.

Autor: José Carlos de O. Cavalcante

O ELEFANTE E O COLIBRI

Numa linda manhã ensolarada passeavam pela densa floresta um elefante e um colibri. Obviamente, o segundo ia pousado sobre a cabeça do primeiro e conversavam como dois velhos amigos, pois assim o eram.

Autor: Ary Franco (O Poeta Descalço)
Enviado por: Yna Beta

 

 

 


VOLTAR
AO TOPO DA
PÁGINA