Logomarca Velhos Amigos
INFORMAÇÃO / DATAS ESPECIAIS

DIA NACIONAL DO HOMEM
publicado em: 04/12/2015 por: Netty Macedo

 
 
15 DE JULHO - DIA NACIONAL DO HOMEM
19 DE NOVEMBRO - DIA INTERNACIONAL DO HOMEM
 
O Dia dos Homens é comemorado anualmente em 15 de julho no Brasil.
Esta data foi inspirada no Dia Internacional do Homem (19 de novembro), e tem o objetivo de conscientizar a população masculina sobre os cuidados que devem tomar com a sua saúde.
No Brasil, o Dia do Homem foi criado por iniciativa da Ordem Nacional dos Escritores e é celebrado no país desde 1992.

FIQUE ATENTO A SUA SAÚDE!
 
Exame de próstata - O câncer de próstata é o mais comum na população masculina e o segundo em índice de mortalidade. Embora o aparecimento seja raro antes dos 50 anos, sua incidência duplica a cada 10 anos de vida. Por isso, recomenda-se realizar o exame preventivo, que inclui o toque retal, a partir dos 40 anos para homens que tenham histórico familiar da doença e depois dos 50 para a população masculina em geral. O diagnóstico precoce e o tratamento adequado podem levar à cura da doença em quase 100% dos casos.

Impotência Sexual - Não importa a idade, 50% da população masculina tem alguma queixa de disfunção erétil. Segundo a SBU (Sociedade Brasileira de Urologia), depressão e ansiedade são causas comuns que afetam o sistema nervoso, responsável pela ereção do pênis. Outras doenças, como diabetes, obesidade e problemas vasculares, também podem contribuir para o surgimento da impotência. A boa notícia é que há tratamentos eficazes para sanar o problema.
 
Fazer a barba - Fazer a barba é tarefa diária para a maioria dos homens. Mas, nessa rotina, alguns problemas podem surgir, como é o caso da foliculite, inflamação em um ou mais folículos pilosos que ocorre em qualquer lugar da pele. Para evitar esse tipo de problema, o ideal é passar a lâmina no sentido do crescimento dos pelos e menos vezes, para não causar traumas e irritações.
 
Diabetes - De acordo com a SBD (Sociedade Brasileira de Diabetes), a doença atinge 12 milhões de brasileiros e mata uma pessoa a cada 10 segundos no mundo. No entanto, estima-se que metade das pessoas desconheça seus sintomas e tratamento. Diante do quadro, as entidades médicas sugerem a realização do teste de glicemia anual para o diagnóstico precoce do diabetes. A falta de informação é o principal obstáculo para conter o avanço dessa epidemia global.
 
Obesidade - A obesidade está aumentando em ritmo acelerado no Brasil e no mundo e é um dos principais fatores de risco para doenças cardiovasculares, hipertensão, diabetes, apneia do sono e alguns tipos de câncer. Segundo o IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística), mais da metade da população brasileira está acima do peso. Para combater os quilos extras é importante adotar hábitos saudáveis.
 
Calvície - A calvície ocorre com mais frequência nos homens e pode aparecer em qualquer idade. No entanto, jovens de 20 anos pode apresentar os primeiros sinais. Calma! A calvície tem tratamento por meio de medicamentos ou transplante capilar. Para obter melhor resultado recomenda-se procurar ajuda médica logo no início do quadro.
 
Problemas cardiovasculares - Os problemas cardiovasculares são as principais causas de morte no Brasil, com mais de 300 mil óbitos por ano. Para se manter fora dessa estatística, é fundamental adotar hábitos de vida saudáveis. Entre eles, praticar regularmente atividade física, abandonar o cigarro, limitar o consumo de bebida alcoólica, manter o peso ideal e optar por um cardápio alimentar balanceado.
 
Álcool - Com o passar dos anos, é muito comum os homens apresentarem a famosa “barriga de chope”. Além de não agradar o público feminino, o excesso de álcool pode prejudicar o funcionamento do organismo ou piorar o quadro de doenças já existentes, como diabetes, hipertensão e cardiopatias. Beba com moderação!
 
Hipertensão - A hipertensão, popularmente conhecida como pressão alta, acomete vasos, coração, rins e cérebro. No Brasil, 30 milhões de brasileiros têm hipertensão e outros 12 milhões não sabem quem tem a doença, segundo o Ministério da Saúde. Embora seja crônica, a pressão alta tem tratamento medicamentoso ou pode ser controlada por meio da alimentação. Como o sal é o principal vilão da pressão, prefira temperos naturais, como manjericão, alho, cebola e alecrim.
 
Tabagismo - A OMS alerta que 1 bilhão e 200 milhões de pessoas fumam no mundo, sendo a maioria do sexo masculino. O cigarro causa 10 vezes mais chances de desenvolver câncer de pulmão. No sexo masculino, especificamente, o vício piora o potencial de fertilização, além de afetar a formação dos espermatozoides. Embora não seja fácil, abandonar o vício é a melhor forma de obter qualidade de vida.

Fonte: Portal R7
Colaborador(a): Rivaldo Cavalcante

 

CLIQUE AQUI PARA ENVIAR SUA OPINIÃO SOBRE ESTA MATÉRIA

 

 

 

 

 


VOLTAR
AO TOPO DA
PÁGINA