Logomarca Velhos Amigos
INFORMAÇÃO / DATAS ESPECIAIS

POR QUE O DIA 8 DE MARÇO?
publicado em: 23/11/2015 por: Netty Macedo

Neste dia, do ano de 1857, as operárias têxteis de uma fábrica de Nova Iorque entraram em greve, ocupando a fábrica, para reivindicar a redução de um horário de mais de 16 horas por dia para 10 horas. Estas operárias, que pelas suas 16 horas recebiam menos de um terço do salário dos homens, foram fechadas na fábrica onde, entretanto, se declarara um incêndio, e cerca de 130 mulheres morreram queimadas. Em 1910, numa conferência internacional de mulheres realizada na Dinamarca, foi decidido, em homenagem àquelas mulheres, comemorar o 8 de março como "Dia Internacional da Mulher". De então para cá o movimento a favor da emancipação da mulher tem tomado forma, tanto em Portugal como no resto do mundo.

8 DE MARÇO
O QUE SE PRETENDE COM A CELEBRAÇÃO DESTE DIA?

Pretende-se chamar a atenção para o papel e a dignidade da mulher e levar a uma tomada de consciência do valor da pessoa, perceber o seu papel na sociedade, contestar e rever preconceitos e limitações que vêm sendo impostos à mulher.

MARCOS DE UM PERCURSO

1691 - Estados Unidos - As mulheres votam no Estado do Massachusetts. Perdem este direito em 1789.

1788 - França - Condorcet, filósofo e homem político francês, reclama para as mulheres o direito à educação, à participação na vida política e ao acesso ao emprego.

1792 - Reino Unido - Mary Wollstpnecraft pioneira da ação feminista, publica uma vindita das Mulheres.

1822 - Primeira Constituição Liberal. Tanto esta Constituição como as seguintes afirmam que a lei é igual para todos, sem referência especial às mulheres.

1840 - Estados Unidos - Lucrécia Mott lança as bases de Equal Rights Association pedindo a igualdade de direitos para as mulheres e para os negros.

1857 - Estados Unidos - No dia 8 de Março, em Nova Iorque, greve das operárias têxteis para obter a igualdade de salários e a redução das horas de trabalho, para 10 horas por dia.

1859 - Rússia - Aparecimento de um movimento feminino em St. Petersburgo para a emancipação da mulher.

1862 - Suécia - As mulheres votam nas eleições municipais.

1865 - Alemanha - Louise Otto funda a Associação Geral das Mulheres Alemãs.

1866 - Reino Unido - John Stuart Mill, filósofo e economista inglês, reclama o direito de voto para as mulheres.

1868 - Reino Unido - Criação da Sociedade Nacional para o Sufrágio Feminino.

1869 - Estados Unidos - Nascimento da Associação Nacional para o Sufrágio das Mulheres. O estado de Wyoming concede o direito de voto às mulheres para atingir o número de eleitores necessário para entrar na União.

1870 - França e Suécia - As mulheres têm acesso aos estudos médicos. - Turquia - Inauguração de uma Escola Normal destinada a formar professoras para as escolas primárias e secundárias para mulheres.

1874 - Japão - Abertura da primeira Escola Normal para mulheres.

1878 - Rússia - Abertura da primeira Universidade feminina em St. Petersburgo.

1882 - Estados Unidos - Susan B. Anthony funda o Conselho Nacional de Mulheres, tendo como patrono Victor Hugo; o célebre escritor era então um dos chefes do Partido Republicano.

1893 - Nova Zelândia - Concedido o direito de voto às mulheres.

1901 - França - O deputado socialista René Viviani, sustenta pela primeira vez um debate sobre o direito de voto das mulheres.

DIA DA MULHER

Certa vez, um pobre Homem saiu sem rumo à procura do amor. Andando pelo deserto, sedento, num sol escaldante lhe veio uma alucinação. Água. Era uma miragem. Caminhando moribundo, ergueu as mãos aos céus e clamou pelo seu Deus: - Onde estás que me abandonastes. Tenho sede, fome... Alucinações... Preciso de ajuda.

E Deus lhe concedeu águas cristalinas pra matar a sua sede, vegetais em abundância mesmo no árido e uma suave brisa do mar para arejar sua alma. Entretanto, mesmo assim, o Homem não se contentou. Ainda lhe faltava algum afeto pra lhe confortar o coração. Alguém que pudesse lhe dar carinho, amor e compreensão. E assim, de um pedaço de seu corpo, Deus fez a Mulher.

Um desenho lindo, de forma em corpo exuberante, de cheiro doce, olhar sereno e luz radiante que se confundia com o brilho das estrelas e o corpo da lua. O Homem assim se completou. Prosperou. Teve riquezas, glorificou ainda mais o seu Deus e descobriu verdadeiramente o que é o Amor.

Dia 8 de março. Dia da Mulher.

Autor(a): Antonio Auggusto João

 

 

 

 

 

 


VOLTAR
AO TOPO DA
PÁGINA