Logomarca Velhos Amigos
INFORMAÇÃO / FIQUE POR DENTRO

 

Cias. aéreas cobram pelo despacho da bagagem e impõem limites de peso e tamanho

As regras para despachar a bagagem estão cada vez mais rígidas em relação não só ao tamanho da mala, mas também ao seu peso. Além disso, os preços para despacho e para excesso de peso também foram recentemente reajustados pelas companhias aéreas nacionais.

Quem não quiser ultrapassar o limite de peso da mala de mão ou apenas despachar bagagens mais leves, terá que deixar pra trás alguns itens que podem parecer importantes, mas que, na verdade, não são tão essenciais assim. Confira alguns.

Para antes e depois do banho

Secador de cabelo, shampoo, condicionador, toalha de banho e outros itens que você costuma usar em sua rotina não precisam ser levados. Em geral, são produtos fornecidos pelos hotéis e anfitriões no caso de aluguel de temporada. Mas caso não estejam disponíveis  em locais como albergues, por exemplo, é fácil adquiri-los no destino.

Além disso, colocar produtos de higiene pessoa na mala também cria a possibilidade de eles vazarem, sujando outros itens essenciais para a sua viagem - como roupa e eletrônicos. As exceções, é claro, são para produtos muito específicos ou recomendados por médicos.

Sapatos: menos é mais

Outra unanimidade entre especialistas são os calçados. Em geral, dois pares são suficientes para o roteiro de férias. Salto alto, além de ocupar muito espaço, costuma ser usado em poucas ocasiões - isso quando é usado.

- Mesmo quando viajo a trabalho, já levei muitas vezes achando que iria precisar para uma ocasião especial, mas nunca usava - comenta a economista Gisele Figueiredo.

Uma dica da personal organizer Cora Fernandes é não levar calçados recém- comprados ou que tenham sido pouco utilizados:

- A chance de ele machucar o pé é muito grande - alerta.

Combinando as roupas

Cora afirma que o importante, na hora de pensar na vestimenta, é montar uma ou duas combinações por dia e se manter firme na escolha. Para isso, pesquisar sobre o clima da região é essencial, assim como avaliar as atividades planejadas para o período e escolher vestimentas compatíveis. A exceção, é claro, são viagens que demandem roupas extremamente específicas, como para casamentos, por exemplo.

Conversores ou adaptadores?

Os aparelhos essenciais na sua viagem, em geral, são compatíveis com as voltagens 110 e 220, como carregadores de celular e tablets, por exemplo. Para garantir que os gadgets vão funcionar, o principal, nesses casos, é levar um bom adaptador de tomada. Existem modelos, inclusive, mundiais, com entrada compatível em quase qualquer país. 

Acessórios e maquiagem

Acessórios, bijuterias e maquiagem também costumam ser levados em excesso e pouco utilizados. As chances de o(a) viajante, nas férias, precisar trocar de brincos, bolsas e ousar na maquiagem são pequenas. A dica aqui é escolher itens que combinem com facilidade e levar a maquiagem do dia a dia, mais básica.

- Acessórios que combinem com tudo são fundamentais. Dá para levar alguma peça chave, como um colar mais chamativo, para dar um destaque no visual composto por uma roupa mais básica mas, em geral, acabamos usando as mesmas coisas - comenta a personal organizer - Samantha Stofel, especializada em viagens.

Qualquer coisa que você "talvez use"

Se você está na dúvida se deve ou não levar algo, não leve. Fazer a mala é um ótimo exercício de desapego.

- Você realmente vai conseguir ler três livros durante as férias? É fundamental ser realista. E, claro, no caso do livro, por exemplo, quem puder substituir por um e-book, ganha mais espaço - sugere a especialista.

Autor(a): Carolina Mazzi
Fonte: oglobo.globo.com/boa-viagem/conheca-os-itens-que-voce-nao-precisa-levar-na-mala-em-sua-proxima-viagem-23188093
Colaborador(a): Cecília Marques dos Santos

 

CLIQUE AQUI PARA ENVIAR SUA OPINIÃO SOBRE ESTA MATÉRIA

 

 

 

 

 


VOLTAR
AO TOPO DA
PÁGINA