Logomarca Velhos Amigos
INFORMAÇÃO / HORA DA MÚSICA

CARMEN MIRANDA
publicado em: 16/02/2017 por: Lou Micaldas

Cantora e atriz

Carmen Miranda (1909-1955) foi uma cantora, atriz e dançarina luso-brasileira. Veio para o Brasil com 10 meses. Ainda criança já revelava talento para a música e a dança. Apresentada ao músico Josué de Barros, foi logo levada para cantar em clubes e teatros. A música "Pra Você Gostar de Mim", mais conhecida por "Tai", foi seu primeiro grande sucesso de carnaval. Gravou músicas de vários compositores e fez sucesso nas rádios e no cinema, brilhando na Argentina, Chile e Uruguai. No filme "Banana da Terra" aparece pela primeira vez caracterizada de baiana. Estreou na Broadway em 1939, atuou em vários filmes em Hollywood. Cantava em programas de televisão, casas noturnas, cassinos e teatros. Com seus trajes exóticos e sapatos plataforma, brilhava nos palcos contando seu repertório de rumbas e marchinhas de carnaval.

Carmen Miranda (1909-1955) nasceu no dia 9 de fevereiro, em Marco de Canaveses, cidade portuguesa no Distrito do Porto. Filha do barbeiro José Maria Pinto Cunha e de Maria Emília Miranda. Seu nome de batismo era Maria do Carmo Miranda da Cunha.

Quando tinha 10 meses de idade veio para o Rio de Janeiro, junto com sua mãe e sua irmã Olinda, onde seu pai já morava. Estudou em colégio de freiras e aos 14 anos já trabalhava como vendedora em lojas. Carmen não voltou mais a sua terra natal, onde foi homenageada com a criação do Museu Municipal Carmen Miranda.

Em 1929 Carmen foi apresentada ao compositor Josué de Barros e logo brilhou em teatros e clubes. Gravou os primeiros discos. O grande sucesso veio com a marcha "Pra Você Gostar de Mim" conhecida por "Tai", escrita especialmente para Carmen. Em 30 de outubro realizou sua primeira turnê internacional em Buenos Aires.

Em 1933 ajudou a lançar a irmã Aurora, na carreira artística. Em 1936 estreou no filme Alô, Alô Carnaval, cantando com a irmã, e passaram a fazer parte do elenco do Cassino da Urca. Em 1939 estreou no espetáculo musical em Boston e suas apresentações fizeram grande sucesso. Em 1940 apresentou-se na Casa Branca, para o presidente Franklin Roosevelt.

Carmen Miranda voltou ao Brasil em 1940 e foi acolhida no Cassino da Urca. Voltou aos Estados Unidos, sendo homenageada com a marca de suas mãos e seus sapatos, gravados na Calçada da Fama de Los Angeles. Gravou vários filmes e se apresentou em cassinos, casas noturnas, teatros e rádio.

Teve vários namorados no Brasil e nos Estados Unidos. Casou-se em 1947 com o americano David Sebastian, que passou de empregado a empresário. Sendo alcoólatra, ele levou Carmen Miranda a beber também e não conseguiu administrar seus contratos. O casamento entrou em crise e Carmen caiu em depressão, se tornando dependente de estimulantes e calmantes.

Depois de 15 anos fora do Brasil, consagrada internacionalmente, viaja de volta ao Brasil, em 1954, para rever a família. Sofrendo, ficou internada durante 4 meses para desintoxicação. Depois, já recuperada, volta a Hollywood e apresenta-se no programa do comediante Jimmy Durante. Enquanto cantava e dançava, desmaiou e foi amparada. Recuperada, termina sua apresentação. De volta para casa em Los Angeles, foi para seu quarto e na manhã do dia seguinte, foi encontrada morta, vítima de um ataque cardíaco.

Carmen Miranda faleceu em Beverly Hills, Califórnia, Estados Unidos, no dia 5 de agosto de 1955, aos 46 anos de idade.

Fonte: https://www.ebiografia.com/carmen_miranda/

 

 

 

 

 

 


VOLTAR
AO TOPO DA
PÁGINA