Logomarca Velhos Amigos
LITERATURA / HORA DA TROVA

EM VOSSOS OLHOS NUBLADOS
publicado em: 07/01/2020 por: Lou Micaldas

Em vossos olhos nublados,
velhinhos de longas vidas,
há prantos cristalizados
de todas as despedidas.
Magdalena Léa

Valente, o verde resiste
à foice, ao fogo, ao trator.
É a vida que, dedo em riste,
enfrenta o seu matador!
Antonio Augusto de Assis

- Lampião de luz apagada,
que vento mau te soprou?
- Não foi vento, não foi nada,
meu tempo é que se apagou!
Benedito Cunha Melo

Rosas tolas, tão vaidosas,
que em belas hastes vicejam...
Vem, amor, olha estas rosas,
quero que as rosas te vejam!
J.G. de Araújo Jorge

Da caboclinha bonita
armam-se os seios seguros,
que são dois frutos maduros
dentro de um ramo de chita!
Felício Alves

À distinta freguesia
um bom negócio proponho:
- Saudade - artigo do dia,
na vitrina do meu sonho...
Severino Silveira De Sousa 

As mentiras bem montadas
que me dizes com prazer,
são algemas desgastadas
que eu teimo em não desprender
Alba Christina Campos Netto

Na infância, que encanto e graça
o céu cheinho de estrelas!
E eu sempre abria a vidraça,
na ânsia de recolhê-las...
Rosalina Rosa Leite 

Deixe a postura bisonha,
mostre o seu lado capaz
que o futuro a gente sonha
e o presente a gente faz!
José Ouverney

Esperança é a caminhante
que, ora animada, ora triste,
vai, teimosa, mais adiante,
quando a Certeza desiste. 
Adélia Victória Ferreira

 

CLIQUE AQUI PARA ENVIAR SUA OPINIÃO SOBRE ESTA MATÉRIA

 

 

 

 

 


VOLTAR
AO TOPO DA
PÁGINA