Logomarca Velhos Amigos
INTERAÇÃO / NOSSAS VIDAS

AMOR DE MÃE É PRA SEMPRE!
publicado em: 21/12/2015 por: Netty Macedo

Oi Lou, vou falar um pouco de mim.

Tenho 32 anos, minha mãe suicidou-se aos dezoitos anos após ser estuprada e eu nasci prematura. Meu pai colocou a mim e a minha irmã em um orfanato, até que meu avô descobriu e nos tirou de lá, ficando ele com minha irmã e uma "tia" me criou.

Fui criada por uma pessoa cruel, sofri muitas torturas, espancamento, desrespeito, e ainda jovem, aos 17 anos de idade, me casei com um homem 27 anos mais velho que eu. Eu sonhava em construir uma família, nunca desrespeitei meu marido! Quando engravidei ele me pediu para que abortasse, porque segundo o mesmo, não tinha mais idade para ser pai.

Me separei logo após dar à luz a uma linda menina lorinha de olhos azuis, minha Jupira (Camylla).

Naquele instante seria capaz de mudar o meu destino, e mudei! Recomecei do nada! Minha família me expulsou do convívio de todos para não ser "desonrada", até me propuseram que deixasse minha filha e sumisse no mundo... Eu jamais faria isso!

Hoje, para resumir esta história triste e que ainda me envergonha, venho a relatar que meu ex-marido faleceu há 10 anos vítima de esclerose generalizada.

Estou reconstruindo meu interior pois tenho filhos maravilhosos! Faço terapia para me ajudar a aprender a confiar nas pessoas novamente. Tenho um companheiro maravilhoso que me ama e me respeita.

Luto contra uma obesidade, fruto de minhas mágoas, vivo um dia de cada vez para cicatrizar essas feridas, agradeço a Deus pois ELE me deu o suficinte para me reerguer... Sei que é uma questão de tempo, fé e boa vontade.

Agradeço a você, por elaborar este site tão lindo que nos traz sabedoria. Sou, desde já, uma amiga assídua, se assim me permitires.

Com carinho!
Suzane

PS: Mesmo sem ter conhecido, sempre amei e amo minha mãe. É a lembrança do que não tive que me faz tentar ser um boa mãe. Ela foi vítima da imaturidade e desespero comum para a época (1974) e isso não diminuiu meu amor por minha mãe. Amor de mãe é para sempre, nem que seja em outro plano!

Autor(a): Suzane

 

CLIQUE AQUI PARA ENVIAR SUA OPINIÃO SOBRE ESTA MATÉRIA

 

 

 

 

 


VOLTAR
AO TOPO DA
PÁGINA