Logomarca Velhos Amigos

O livro de Magdalena Léa, Quem Tem Medo de Envelhecer faz crítica divertida sobre assuntos considerados tabu na fase do envelhecimento: sexo, liberdade, amor à vida são os destaques.

VAMOS RETARDAR A VELHICE 

Se podemos acelerar o envelhecimento, logicamente podemos retardá-lo. É a rampa onde uns deslizam suavemente, obedecendo ao ritmo natural do tempo, mantendo o aspecto vigoroso, sadio, disposto, onde transparece a alegria de viver, ao contrário de outros, que se precipitam numa velhice precoce, aparentando muitos anos mais que a idade real.

Autor: Magdalena Léa

CONDIÇÕES PARA SER FELIZ

Todos temos, em qualquer época de nossa vida, problemas, conflitos, decepções, frustrações. São inevitáveis. São a vida. Não há sabedoria que possa evitá-los. A sabedoria está em sabermos conduzir-nos dentro destas vivências.

Autor: Magdalena Léa

VIVER E CONVIVER

O homem é um animal gregário. Suas greis são a família, a sociedade, o ambiente de trabalho.

Autor: Magdalena Léa

NOVO-VELHO

Estamos num mundo novo, onde temos um novo-jovem que se impõe, e uma nova-mulher que se liberta. Queremos, pois, um Novo-Velho.

Autor: Magdalena Léa 

O QUE É FELICIDADE?

Não havemos de considerar que felicidade seja um programa de vida. Ser feliz ou infeliz são contingências da própria vida ao longo de sua trajetória.

Autor: Magdalena Léa

PROBLEMAS SÓCIO-ECONÔMICOS 

Com a palavra Mira y Lopez: Um adulto comum, normal, que ganhe a vida profissionalmente, vê-se, subitamente, inválido pela sociedade, que o condena, da noite para o dia, à inação, à inatividade e ao tédio, afastando-o do trabalho, para convertê-lo em um parasita dos cofres públicos, da família, ou da economia previdencial ou assistencial. 

Autor: Magdalena Léa 
Enviado por: Arnaldo Teixeira

DOIS HOMENS E UMA CIDADE

Ai, o mundo de hoje!... devemos perder esta mania de repudiar o mundo de hoje.  Se você não viver no mundo de hoje, em que mundo viverá?...

Autor: Magdalena Léa

SUPERMÃE

São essas pessoas que vivem se lamentando da ingratidão dos filhos, genros e noras.

Autor: Magdalena Léa

SUBLIMAÇÃO

Há sempre alguém ou algo que podemos amar!  O coração não sabe bater vazio!

Autor: Magdalena Léa

IMPACTO DA PRIMEIRA IMPRESSÃO

...se qualquer modificação na vida do indivíduo provoca sua reação medrosa, nenhum medo seria mais justificável que o medo da velhice, cujo espectro nos é apresentado desde cedo como aterrador.

Autor: Magdalena Léa 

FIXAÇÃO NO PASSADO

O que é que você vai ser quando envelhecer?

DOMINGO DA VIDA

Sejamos, com a nossa ciência de viver, um exemplo para os que vêm atrás de nós.

Autor: Magdalena Léa

PRESENTE DE NATAL

Um gato cinzento, na cerca cinzenta, na tarde cinzenta... - Quarenta cruzeiros e oitenta centavos! E amanhã é dia de Natal. Maria Regina conta pela terceira vez:...

Autor: Magdalena Léa

FALSAS LEMBRANÇAS

Tanta gente se queixa da vida vazia! Vida vazia? Calúnia. A gente é que é vazia. A vida é sempre cheia.

Autor: Magdalena Léa

PLANEJAMENTO DE VIDA

Se a morte não marca hora para ninguém, não hesitemos em iniciar seja o que for, e deixemos o fim para o fim. Pensemos apenas que cada dia é mais uma oportunidade para realizarmos o que ainda não realizamos por falta de ocasião ou de tempo.

Autor: Magdalena Léa

NEM ÓCIO NEM TÉDIO

E a questão não está só na monotonia, está em que a atividade, qualquer que seja, é uma condição para uma vida sadia.

Autor: Magdalena Léa

VIVER É A META

No ato da fecundação, uns duzentos milhões de espermatozóides - células masculinas - penetram no corpo da mulher e, partindo na direção da trompa para alcançar o óvulo - célula feminina - apostam uma corrida de vida ou morte.

Autor: Magdalena Léa - Poetisa e escritora Autora do  livro "Quem tem Medo de Envelhecer?"

FÉRIAS E LAZER

Muita gente tem casa de campo. Outros lotam os hotéis, em fins de semana, nos veraneios. Mas poucas são as pessoas que sabem gozar as férias.

Autor: Magdalena Léa

MEDO DA DOENÇA - HIPOCONDRIA

Perguntaram a uma velhinha, que sabia de remédios para todos os males, qual era a cura para a velhice, e ela respondeu:

Autor: Magdalena Léa

 

 

 


VOLTAR
AO TOPO DA
PÁGINA